Logotipo WalMart

retalhista norte-americana Wal-Mart superou a petrolífera Shell e lidera o ranking anual das 500 maiores empresas do mundo em termos de volume de negócios, elaborado pela revista Fortune. De acordo com aquela publicação, o volume de negócios das 500 empresas mais importantes do mundo atingiu mais de 22,7 milhões de milhões de euros em 2013, o que representa uma subida de 2,5% em relação ao ano anterior. No mesmo período, os lucros conjuntos destas empresas subiram 27%, para 1,5 mil milhões de euros.

Com um volume de negócios próximo de 349,3 mil milhões de euros até 31 de Janeiro deste ano, a Wal-Mart lidera a tabela. A retalhista fica assim à frente de um grupo de empresas ligadas ao sector energético, nomeadamente a Royal Dutch Shell (2.º lugar), a chinesa Sinopec (3.º), a China National Petroleum (4.º), a norte-americana ExxonMobil (5.º), a britânica BP (6.º) e a chinesa State Grid (7.º) – que é accionista da portuguesa REN.

A completar o Top 10 das maiores empresas surgem a Volkswagen (8.º posto), a Toyota (9.º) e o grupo suíço Glencore (10.º).

No terreno dos smartphones, a Samsung (13.º lugar) surge dois lugares à frente da Apple (15.º). A fabricante sul-coreana, que mantém o título de maior produtora de smartphones do mundo, atingiu receitas de cerca de 153,2 mil milhões de euros, mais 17% em relação a 2013. Já a fabricante do iPhone atingiu praticamente 125,4 mil milhões de euros em receitas.

Marketeer online, quinta-feira, 10 de Julho, 2014