Apesar de levar para o supermercado uma lista de compras, metade dos consumidores efectua compras não programadas, segundo um estudo do grupo Publicis , dado a conhecer em primeira mão no IV Congresso da Distribuição Moderna, que termina esta quarta-feira no Museu do Oriente. “83% dos consumidores afirma fazer lista de compras mas 54% confessa efectuar compras por impulso e não programadas”, explica Anthony Gibson, presidente do Grupo, acrescentando que este dado representa para os retalhistas uma “oportunidade por explorar”. O estudo indica ainda que a maioria dos portugueses (86%) gosta de ir às compras na loja. 82% compra apenas na loja e 17% compra nos estabelecimento e também online. “Os números provam que o sucesso está na sinergia entre loja física e online, já que 60% consulta informação online antes da compra e 48% consulta os sites de comparação de preços”, aconselha. Sobre a publicidade, os consumidores entrevistados para esta pesquisa afirmam preferir os catálogos e folhetos promocionais (71%) e as campanhas no ponto de venda (59%) à televisão (58%).

18 de Janeiro de 2012 às 11:08:47, por Meios & Publicidade
Metade dos portugueses faz compras não programadas

Metade dos portugueses faz compras não programadas