Perto de um milhão e meio de portugueses (1,36 milhões de pessoas) costuma aceder a redes sociais como o Facebook e o Hi5, que lidera a tabela das comunidades virtuais. Este valor representa 16,4 por cento do universo composto pelos residentes no Continente com 15 e mais anos. A conclusão é do Bareme Internet da Marktest referente a 2009 e tem por base informações prestadas em entrevistas telefónicas. Praticamente a totalidade de pessoas entrevistadas (15,9 por cento em 16,4 por cento) admitiu frequentar o Hi5, confirmando a tendência observada nos últimos meses que têm vindo a colocar este site na liderança dos mais visitados em Portugal. O Facebook é a segunda rede social mais frequentada no nosso país, apesar de apenas 2,6 por cento dos entrevistados terem dito frequentar esta comunidade virtual. O MySpace aparece em terceiro, com 1,4 por cento de entrevistados a admitirem a sua consulta.
Outras comunidades semelhantes agregam ainda 2,3 por cento. É preciso notar que algumas pessoas usam várias redes sociais em simultâneo.

No que toca ao perfil dos utilizadores, eles são sobretudo estudantes (52 por cento) com idades entre os 15 e os 17 anos (58,4 por cento). À medida que a idade das pessoas aumenta, vai diminuindo a frequência das redes sociais. A partir dos 55 anos, apenas 3,7 por cento dos inquiridos admitem frequentar este tipo de páginas. As áreas do Grande Porto (20,8 por cento) e da Grande Lisboa (19,2 por cento) são as regiões do país onde se regista um maior número de acessos, embora se verifique bastante homogeneidade na distribuição geográfica.

Público, 19.11.2009

Imagem de Dalila Dalprat no Pexels