CONSUMO E CLASSES SOCIAIS EM PORTUGAL: AUTO-RETRATOS

Quais são os carros conduzidos pela classe alta? E os bairros habitados pela classe média? Que programas de TV são preferidos pela classe baixa? Como diferem as classes em termos de roupa, culinária, gostos musicais ou destinos de férias? Estas e outras perguntas são discutidas no livro “Consumos e Classes Sociais em Portugal: auto-retratos” de Raquel Barbosa Ribeiro.

Este é o resultado de um projecto de pesquisa quali-quantitativo, apresentado na Dissertação de Doutoramento em Ciências Sociais na especialidade de Sociologia, no ISCSP-UTL. Aborda-se a percepção da igualdade social, as representações do consumo e das classes, os consumos distintivos e as opiniões sobre a mobilidade social em Portugal, comparando-se duas áreas em análise: Lisboa e Leiria. Verifica-se que o consumo é um dos critérios mais relevantes para a diferenciação social e que o seu papel é visto de forma diferente nas duas cidades analisadas. Se, por um lado, Lisboa parece suficientemente próxima das tendências de consumo e de estratificação europeias e americanas, por outro, a crise internacional e o aumento do desemprego poderão dar, de novo, um grande destaque à faceta material e pecuniária.

Para encomendar: http://causadasregras.com/?post_type=product