Sabe a definição de fluxo de caixa? O fluxo de caixa é normalmente descrito como a movimentação de dinheiro diário de uma empresa. É preciso garantir que se gera dinheiro suficiente para cobrir os compromissos assumidos na nova proposta de negócios.

Comparar fluxo de caixa e lucro

A caixa é fundamental para as operações diárias da sua empresa. É crucial lembrar que caixa não é o mesmo que lucro, e que muitas empresas não obtiveram êxito por terem um fluxo de caixa insuficiente – não por serem pouco lucrativas.

Existem diferentes cenários em que o lucro não equivale a disponibilidade de caixa nas demonstrações financeiras:

  • A sua empresa registou uma venda, mas ainda não recebeu o pagamento;
  • Não foi possível registar todos os custos que pagou, porque apenas os inclui quando as vendas forem registadas;
  • A demonstração financeira regista custos de activos caros ao longo do período de vida deles (depreciação) que provavelmente não serão pagos da mesma forma.

Introdução ao ciclo de fluxo de caixa

É utilizada a caixa para comprar stock, pagar a fornecedores e receber dinheiro dos clientes após as vendas. É fundamental que haja harmonia entre a venda de stock e o recebimento dos pagamentos. A duração e integridade do ciclo de fluxo de caixa são baseadas em três factores principais: quanto tempo leva o stock a ser vendido, quanto tempo os clientes demoram a pagar, e quanto tempo temos para pagar aos fornecedores.

Cálculo e uso de taxas de fluxo de caixa

Podemos compreender que o fluxo de caixa dependerá de três cálculos principais. O cálculo dos Dias de Reposição de Stock, o das Contas a Receber e o das Contas a Pagar.

O índice de dias de reposição de stock indica a eficiência com que a empresa gere o stock. Mede o número médio de dias que o stock leva a ser vendido ou “reposto”. Usa o valor de custo de stock não vendido no final do período que está a ser analisado. Se a empresa não tiver stock, podem ser utilizados os dias de trabalho em andamento ou não o incluir de todo nos cálculos.

O índice de contas a receber mede o número médio de dias necessários para receber o pagamento após uma venda. Embora possam ser definidos períodos de crédito para os clientes, o valor de dias de contas a receber pode não ser o mesmo afixado inicialmente. Se não existem pagamentos a crédito na empresa, esse valor será zero.

O índice de contas a pagar mede quanto tempo é necessário para pagar as facturas aos fornecedores.

Melhorar Fluxos de Caixa

Embora possam surgir problemas específicos em qualquer empresa, existem alguns desafios comuns a cada ciclo de fluxo de caixa bem-sucedido. Estes estão presentes em muitas empresas, sectores e áreas de desenvolvimento.

  • Gerência de níveis de stock;
  • Pagamento atrasado de clientes;
  • Crédito restrito com fornecedores.

definição de fluxo de caixa
definição de fluxo de caixa?

Fonte: 10,000 Women

Ilustração: Querer Além

Imagem de David Travis no Unsplash