O inquérito deve ter:

  • Título sucinto
  • Introdução, que deve conter:
    • Convite/incentivo à resposta
    • Explicação sucinta do tema, que seja verdadeira, mas que não informe demasiado (para não desmotivar as pessoas ou não as pôr a pensar demasiado antes do tempo)
    • Identificação do investigador e da instituição/curso
    • Garantia de confidencialidade e anonimato
    • Tempo estimado de resposta
    • Contacto eletrónico e telefónico do investigador
  • Perguntas “de aquecimento”, que devem:
      • ar introdução ao tema sem demasiada informação
      • Ser fáceis de responder
      • Fazer o inquirido sentir-se útil, à-vontade e estimulado
      • Exemplos:
        • “Conhece ou já ouviu falar de…?”
        • “Para si, o que é…?”
        • “Qual destas frases se aplica a si?”
        • “Alguma vez fez/pensou/disse…?”
        • Corpo do questionário, deve:
          • Conter respostas que reúnam várias informações, por exemplo, através de tabelas
          • Conter respostas a partir de itens de listas fechadas, sem muitas opções e que devem ser ordenadas alfabética ou aleatoriamente
          • Questões do género “Diga com quais destas frases concorda”
          • Questões do género “Qual/Quais destas frases se aplicam a si”
          • Respostas abertas (dependendo do estudo)

Nota: Primeiro devem colocar-se as perguntas impessoais, deixando as perguntas personalizantes para o fim.

Nota: Deixar itens de caracterização sociodemográfica, preferencialmente, para o fim.